Twitter - PT TocantinsFacebook - PT TocantinsYoutube - PT TocantinsFlickr - PT Tocantins

Artigos e Opiniões

Data:
Quarta, 31 Agosto 2016 16:50
Escrito por
Júlio César Brasil
Título:

Nota à militância tocantinense sobre o golpe no Brasil


 

 

Caros companheiros e companheiras!

É com o coração cheio de tristeza e de preocupação que vivemos essa tarde triste e cinza do dia 31 de agosto de 2016. Lembrando do ditado popular que diz “Agosto, mês de desgosto”.

Este é o dia em que o Golpe Jurídico e parlamentar se abateu sobre a democracia brasileira. Triste data a ser lembrada pelas futuras gerações.

Inúmeros são os fatores que nos trouxeram até este dia fatídico. O avanço do conservadorismo, a intolerância da classe conservadora da nossa sociedade e a insatisfação da classe dominante para com os ganhos e avanços dos mais pobres aos espaços de dignidade e de crescimento enquanto cidadãos.

Este Golpe é o resultado da União sórdida de tudo o que existe de pior e mais conservador na sociedade brasileira. Se juntaram às elites da economia, do judiciário, da velha política, as elites dos partidos que representam o atraso e tudo de ruim que esse país já viveu. Esta aliança trouxe o retrocesso ao nosso país. E quem nos dera este retrocesso fosse apenas o que estamos vivendo hoje. Infelizmente é triste dizer, mas dias piores virão. Pois, para esta direita truculenta, raivosa e sedenta de poder não há limites. Ficou provado nesta tarde de hoje. Os próximos passos serão também contra a democracia e contra os direitos individuais. Não descansarão enquanto não humilharem, ainda mais, o nosso Presidente Lula. Tentarão impor a ele a pior das humilhações: Vão tentar trancafiá-lo novamente como já o fizeram no passado. Além de lhe retirar os direitos políticos.

E finalmente, como eles podem atentar contra o direito de Presidentes que mudaram a vida do Brasil para melhor. Porque não o fariam contra os Partidos do Campo Democrático? Porque não fariam violências e atentados contra os direitos individuais? E contra os programas e conquistas sociais? E contra os pobres e ainda excluídos dessa nação?

Portanto, cabe a nós militantes por um mundo mais justo e correto, não nos deixar abater por este momento de derrota. Muitas lutas virão e precisamos estar afiadíssimos para estes momentos, para os quais seremos chamados. Pois, ou nós continuamos a luta na qual acreditamos ou outros não o farão.

É triste dizer, porém é necessário vivermos nossa dor. Após isto. É levantar a cabeça e seguir em frente, pois outras batalhas já estão sendo travadas.

Façamos o bom combate, defendendo os pobres defendendo os oprimidos. Nos preparemos para um Futuro Sombrio. É hora de nos reorganizarmos para as lutas que virão. É tempo de nos reagruparmos. Refletirmos e retomar a luta. Pois a luta continua!


 

Júlio César Brasil é Presidente do PT-TO